-->

PROGRAMA REDE DE VIZINHOS PROTEGIDOS É IMPLANTADO EM MAIS UM BAIRRO DE LAVRAS

Militares do 8º Batalhão e integrantes do Conselho Comunitário de Segurança Pública de Lavras – CONSEP participaram no início da semana de um debate com moradores sobre a segurança pública nos bairros Serra Azul e Dona Julieta.

Estiveram presentes na Escola Estadual Paulo Menicucci, no Bairro Serra Azul, nesta cidade de Lavras, os policiais militares Major PM Francisco de Assis Oliveira, Subcomandante do 8º BPM, Cap PM Jean Beethoven de Freitas, Comandante da 54ª Cia PM, 1º Ten PM Leonardo de Freitas Raimundo, Comandante do policiamento no Setor Oeste da cidade, e os integrantes do Conselho Comunitário de Segurança Pública – CONSEP/Lavras, Sr Wagner, Presidente, Luiz, Vice-presidente, e Edilene, Secretária.

Durante o encontro, o Major Assis ministrou palestra à comunidade sobre as causas da criminalidade/violência e a visão sistêmica da segurança pública, divulgou as providências adotadas pela Polícia Militar, orientou os presentes sobre medidas de autoproteção e sugeriu a implementação do Programa “Rede de Vizinhos Protegidos”.

O programa teve sua origem na cidade de Belo Horizonte há cerca de cinco anos, onde a comunidade se uniu à Polícia Militar na busca da redução da criminalidade. A “Rede de Vizinhos Protegidos” é uma parceria da PM com a comunidade. Os próprios vizinhos funcionam como “câmeras vivas”. Eles adotam estratégias de prevenção e são orientados pela Polícia Militar, protegendo-se mutuamente e interagindo de forma solidária, além de repassar informações à polícia. Para tanto, é necessário conhecer o vizinho, seus contatos e até mesmo hábitos.

O primeiro bairro onde foi implantado o programa foi o bairro Parque das Pedras Preciosas que não possui um histórico de crimes, mas devido a proximidade do bairro a uma linha férrea, os moradores ficaram preocupados, o que aumentou a sensação de medo da comunidade local. Segundo o Major Assis, a intenção da Polícia Militar em Lavras é expandir o programa para outros bairros da cidade, onde a demanda é maior ainda.

Fonte: Ascom 8º Batalhão.

Gostou? Então compartilhe!

Tags:

Comente esta notícia

LEIA AS REGRAS: Comentários que contenham palavrões, ofensas ou que não tenham relação com o assunto tratado na notícia podem ser deletados sem nenhum aviso. Em hipótese alguma faça propagandas de outros sites ou blogs. OBS: Os comentários dos leitores não refletem a opinião de O LAVRENSE

0 comentários: