-->

Projeto apoiado pela Ferrovia Centro-Atlântica leva alimentação saudável para famílias em Lavras

Uma horta comunitária desenvolvida pelo projeto “Melhoria da Qualidade Alimentar de Crianças e Adolescentes em Situação de Risco” está mudando a vida de famílias em Lavras. Idealizada pela Ferrovia Centro-Atlântica em parceria com o Centro de Atenção à Criança e ao Adolescente (Ceacad), Secretaria de Promoção da Cidadania e Emater, a iniciativa beneficia 186 crianças e adolescentes em situação de risco e suas famílias.

Atendidos pelo Ceacad no período em que estão fora da escola, os jovens recebem orientações teóricas e práticas sobre o cultivo de hortaliças e plantas medicinais. As aulas são ministradas pela Emater e pelos educadores do Ceacad e incluem também conceitos de preservação e sustentabilidade ambiental. Com pouco mais de um mês de atividades, as crianças já tiveram a oportunidade de preparar a terra, plantar as primeiras sementes e mudas, adubar e até construir um espantalho.

Na segunda etapa do projeto, os jovens serão estimulados a promover a prática aprendida durante as aulas em suas próprias casas. As famílias serão cadastradas e receberão insumos agrícolas e apoio técnico para o cultivo de verduras, legumes e plantas medicinais destinados ao consumo nas refeições do dia a dia. Para incentivar a adesão, as famílias participantes vão concorrer a prêmios em sorteios mensais e os ganhadores os receberão desde que mantenham a horta bem cuidada e os lotes das casas limpos.

Ao garantir alimentação de qualidade aos beneficiados, o projeto também contribui para o desenvolvimento nutricional das crianças e familiares envolvidos, impactando positivamente nos índices de saúde e qualidade de vida do município.

08/08/12

Gostou? Então compartilhe!

Tags:

Comente esta notícia

LEIA AS REGRAS: Comentários que contenham palavrões, ofensas ou que não tenham relação com o assunto tratado na notícia podem ser deletados sem nenhum aviso. Em hipótese alguma faça propagandas de outros sites ou blogs. OBS: Os comentários dos leitores não refletem a opinião de O LAVRENSE
Comentário(s)
0 Comentário(s)

0 comentários: