-->

Com IPI baixo, veículo usado desvaloriza até 30%

O mercado de carros de segunda mão segue com queda de preços diante a extensão do IPI baixo para modelos zero quilômetro. Há duas semanas, o governo decidiu prorrogar para o fim de outubro a desoneração que venceria no fim de agosto.

Em Lavras, lojistas consultados nesta segunda-feira (10) pela reportagem do O Lavrense estimam em até 30% a desvalorização de um seminovo (lançado de 2009 para cá).

A desvalorização segue efeito cascata: com estoques cheios e com receio de perder, o lojista oferece menos pelo seminovo ou pelo usado.

Diante a situação, o dono do veículo tem preferido ele mesmo tentar a venda. "Por isso tem aumentado o número de avisos de ‘vende-se’ nos vidros dos veículos", diz o gerente de concessionária, que pediu omissão do nome.

Para evitar mais prejuízos, se tiver condições, o motorista deve aproveitar o IPI menor e manter o usado.

Com o fim do benefício, a expectativa é de que o mercado de segunda mão volte a se recuperar ainda no fim do ano.

A prorrogação do benefício do IPI alonga o período de dificuldades para os carros usados De acordo com empresários do setor, o recuo nos preços do automóvel 0 km posicionou o bem como uma opção de escolha daquele consumidor que só tinha condições para adquirir um seminovo. E entre um e outro, a preferência é pelo carro novo.

11/09/12

Gostou? Então compartilhe!

Tags:

Comente esta notícia

LEIA AS REGRAS: Comentários que contenham palavrões, ofensas ou que não tenham relação com o assunto tratado na notícia podem ser deletados sem nenhum aviso. Em hipótese alguma faça propagandas de outros sites ou blogs. OBS: Os comentários dos leitores não refletem a opinião de O LAVRENSE
Comentário(s)
0 Comentário(s)

0 comentários: