-->

Pesquisa diz que refrigerante é tão ruim para os dentes quanto crack e cocaína

Um estudo da Temple University, na Filadélfia (Estados Unidos), afirma que refrigerante (com ou sem açúcar) ingerido em excesso é tão prejudicial para os dentes quanto o consumo de metanfetamina, cocaína e crack. “Todos são extremamente ácidos e, por isso, causam problemas similares. A acidez do refrigerante advém do ácido cítrico e do ácido fosfórico. Se o consumidor não tiver uma higiene bucal correta e regular, a constante exposição a essa acidez poderá causar erosão dental”.
O professor Mohamed Bassiouny, um dos responsáveis pela pesquisa, alerta que, mesmo para quem não quer engordar e escolha as versões diet´s de refrigerante, o risco também é alto risco, caso os cuidados com a higiene não sejam regulares.

Os pesquisadores informaram que pacientes que consumiam a bebida, muitas vezes, como se fosse água, tiveram os dentes danificados, descoloridos e desgastados, como os dentes de usuários de metanfetamina e crack. “No caso dessas drogas ilegais, elas reduzem a quantidade de saliva na boca, aumentando o efeito da acidez. Além disso, os usuários não costumam dar a devida importância à escovação e ao uso do fio dental”, diz Bassiouny.

15/08/13

Gostou? Então compartilhe!

Tags: ,

Comente esta notícia

LEIA AS REGRAS: Comentários que contenham palavrões, ofensas ou que não tenham relação com o assunto tratado na notícia podem ser deletados sem nenhum aviso. Em hipótese alguma faça propagandas de outros sites ou blogs. OBS: Os comentários dos leitores não refletem a opinião de O LAVRENSE
Comentário(s)
2 Comentário(s)

2 comentários:

  1. Priscila10:26

    Essa foto me deu sede...vou tomar uma!...rss

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Caio15:01

      Concordo com você. Delícia!!

      Excluir