-->

Crise financeira: Prefeitura de Lavras parcela folha de pagamento de servidores

A folha de pagamento de agosto dos servidores municipais de Lavras será paga em parcelas ao longo de setembro. O anúncio foi feito nesta quarta-feira (09) pela assessoria de imprensa do Prefeito Silas Costa Pereira (PMDB), alegando crise financeira para pagar todos os salários até o quinto dia útil.

Prefeito Silas Pereira aponta queda na receita para parcelar os salários dos servidores municipais.

Por meio de nota, a Prefeitura de Lavras informou que o município já sofreu uma redução de recursos da ordem de R$ 25 milhões em 2015, com relação ao arrecadado no mesmo período de 2014. Os pagamentos serão feitos de forma escalonada. Segundo a prefeitura, até esta quinta-feira (10), cerca de 55% do total sera quitado e os outros 39% serão pagos até o dia 30 deste mês.

Em junho, Silas Pereira anunciou que pretendia demitir cerca de 250 funcionários comissionados da administração municipal. O motivo seria  o corte nas despesas para enxugar o orçamento. Hoje a folha salarial da prefeitura gira em torno de R$ 9 milhões e o objetivo era reduzir a despesa em até 15%.

Leia abaixo, na íntegra,  a nota divulgada pela Assessoria de Imprensa do Prefeito Silas Pereira:

NOTA À IMPRENSA

1 - Devido à crise econômica, a conseqüente diminuição de repasses dos governos estadual e federal e as dívidas herdadas das gestões passadas, a Prefeitura de Lavras realizou apenas parte dos pagamentos dos servidores nesta terça-feira (08/09). Até quinta-feira (10/09), cerca de 55% do total sera quitado e outros 39% até o dia 30 deste mês;

2 - A crise econômica que atinge os municípios não é novidade e já atinge várias prefeituras do país. Em consequência disso, a Prefeitura de Lavras já sofreu uma redução de recursos da ordem de R$ 25 milhões em 2015, com relação ao arrecadado no mesmo período de 2014;

3 – Com relação aos motoristas que fazem o transporte dos alunos na zona rural de Lavras, o serviço não foi realizado na manhã desta quarta-feira (09/09) em razão das chuvas desta madrugada, que deixaram as estradas rurais intransitáveis;

4 – Já um grupo de motoristas que presta serviço na área urbana reivindicou uma posição a respeito da data do pagamento e foi prontamente atendido pelos secretários de Administração e da Educação ainda no pátio da Prefeitura;

5 – Os demais motoristas da Prefeitura de Lavras trabalharam normalmente e também tiveram suas situações esclarecidas com lisura pela administração municipal;

6 – A Prefeitura de Lavras pede a compreensão de todos e continua trabalhando incansavelmente para saldar seus compromissos e as dívidas herdadas das gestões passadas, com prioridade absoluta para o pagamento dos seus servidores;

7 – Por fim, lamenta que a situação de alguns servidores seja explorada politicamente com o claro intuito de desestabilizar a administração municipal, utilizando-se de meias verdades e fatos inverídicos.

10/09/15

Gostou? Então compartilhe!

Tags:

Comente esta notícia

LEIA AS REGRAS: Comentários que contenham palavrões, ofensas ou que não tenham relação com o assunto tratado na notícia podem ser deletados sem nenhum aviso. Em hipótese alguma faça propagandas de outros sites ou blogs. OBS: Os comentários dos leitores não refletem a opinião de O LAVRENSE
Comentário(s)
22 Comentário(s)

22 comentários:

  1. Helenice09:50

    Incompetência. Simples assim.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo10:25

      o choro continua livre...

      Excluir
  2. Anônimo15:44

    Alguém sabe quando sai o vale alimentação do mês passado???

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo22:02

      É melhor você perguntar lá no posto Ypiranga.

      Excluir
  3. Até os médicos da URPA estão ameaçando parar se não sair o dinheiro deles. Lavras vai de mal a pior nas mãos desses palermas.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo20:07

      Volta tricassado.

      Excluir
    2. Anônimo20:58

      A maioria só faz bico no PA. São os maiores salários.

      Excluir
  4. Anônimo09:11

    Ai que saudade que dá do Cherem. Chora moçada.

    ResponderExcluir
  5. Ronilson14:55

    Pior é aguentar esse lesma até o final do mandato putz vai ser o caos...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo21:24

      A Fernão Dias é uma ótima saída para estas crises existenciais.

      Excluir
    2. Anônimo13:05

      Verdade. Por que voce não vaza logo e leva o Silascado junto pro quinto dos infenos de onde alias nunca deviam ter saido. Corja!

      Excluir
    3. Anônimo13:27

      Vivo bem, sem crise existencial, e jamais participei deste grupelhos políticos de lavras, você pela sua agrecividade deve estar precisando de ajuda.

      Excluir
    4. Anônimo17:31

      As viúvas do tricassado abandonaram o luto e partiram para a baixaria. Quintos do inferno e corja valem para todos.

      Excluir
    5. Anônimo09:54

      Quando ver seu filho pedindo um guaraná e vc naum puder comprar por falta de dinheiro, vc pode me chamar de viuva oh puxa saco. O seu deve tá em dia e no bolso fdp.

      Excluir
    6. Anônimo12:40

      Baixaria. Seu filho vê suas postagens?

      Excluir
    7. Anônimo08:59

      Naum, tem 8 aninhos mais ele queria ver meu salario, só q ninguem viu ainda. No tempo do Cherém ele via, todo mes.

      Excluir
  6. Anônimo11:22

    Chama o juiz que botou essa b... aí pra ajudar a resolver o pobrema.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo14:42

      Da primeira, segunda ou terceira instância?

      Excluir
  7. Márcio Nilo08:27

    Queria tanto ser prefeito agora se vira nos 30! kkkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  8. Nivaldo16:27

    Pedala, Mourão! Pedala! queremos nosso salário!!!! kkkkkkkkk

    ResponderExcluir
  9. Anônimo17:08

    Tem muita gente torcendo pra situação ficar ainda pior para poder faturar politicamente em cima da crise na eleição do ano que vem. Isso é ridículo! Ta certo que a responsabilidade pela administração municipal é do governo que aí está mas ficar torcendo pra tudo dar errado e piorar ainda mais não faz sentido. Vamos ter um pouco mais de fé e bom senso pessoal.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Anônimo09:02

      Tenho fé em Jesus e rezo. Quero o salário, tenho contas pra pagar. Torcer eu torço pro Galo. Quero o salário, tenho contas pra pagar. Ridículo é esse prefeito que contava papo, tira foto todo dia e não cumpre as obrigações e puxassacos como você, que já deve ter recebido.

      Excluir