-->

Hélio Garcia, ex-governador de Minas Gerais, morre em BH

O ex-governador de Minas Gerais Hélio de Carvalho Garcia, 85 anos, morreu na manhã desta segunda-feira (6), em Belo Horizonte. Após período de internação em razão de uma embolia pulmonar, ele acabou morrendo de falência múltipla de órgãos.


Natural de Santo Antônio do Amparo, Hélio Garcia formou-se bacharel em direito e começou a vida política em 1963 como deputado estadual. Garcia também foi deputado federal e prefeito de Belo Horizonte, antes de ocupar o cargo de governador de Minas Gerais por dois mandatos (1984 a 1987 e 1991 a 1994).

Em 1982, elegeu-se vice-governador pela chapa de Tancredo Neves. No ano seguinte, Tancredo nomeou Garcia para acumular o cargo de vice-governador e de prefeito de Belo Horizonte. Em 1984, tomou posse como governador após renúncia de Tancredo. Ficou no governo até 1987. Em 1991, foi eleito governador.

Pimentel lamenta a morte de Hélio Garcia

O governador de Minas Gerais, Fernando Pimentel (PT), lamentou, em nota, a morte do ex-governador Hélio Garcia na manhã desta segunda-feira.

"Foi com profundo pesar que recebi a notícia do falecimento do ex-governador Hélio Garcia. Homem público com uma trajetória de inestimáveis serviços prestados ao Estado e ao país, Hélio Garcia era uma das mais importantes referências da política mineira. Minas perde uma liderança que sempre se pautou pela sensatez, serenidade e espírito democrático.

Aos familiares, manifesto minha sincera e afetuosa solidariedade neste momento", diz o texto divulgado pela assessoria de Fernando Pimentel.

06/06/16

Gostou? Então compartilhe!

Tags:

Comente esta notícia

LEIA AS REGRAS: Comentários que contenham palavrões, ofensas ou que não tenham relação com o assunto tratado na notícia podem ser deletados sem nenhum aviso. Em hipótese alguma faça propagandas de outros sites ou blogs. OBS: Os comentários dos leitores não refletem a opinião de O LAVRENSE
Comentário(s)
0 Comentário(s)

0 comentários: