-->

Prefeito eleito de Lavras diz que vai reduzir secretarias e cortar gastos

Dr. José Cherem,prefeito de Lavras
O prefeito eleito de Lavras, José Cherem (PSD), disse em entrevista na Rádio 94 FM, na manhã desta quinta-feira (08), que pretende enxugar a folha de pagamento da prefeitura já no início do mandato.

Segundo o prefeito, haverá diminuição no número de secretarias e de funcionários contratados e comissionados. Além disso, metade dos servidores das secretarias serão funcionários de carreira. A Secretaria de Obras, por exemplo, terá no máximo dois funcionários de primeiro escalão, a Secretaria de Desenvolvimento Econômico não terá nenhum e a Secretaria de Comunicação terá, inicialmente, apenas um funcionário.

Na entrevista, Zé Cherem falou que, nesse início de ano, o foco maior é na área de educação e também sobre a solução para o problema da "buraqueira" que toma conta das ruas da cidade e revolta os moradores, ouça:



Como parte do pacote de medidas para economizar recursos, José Cherem anunciou ainda a intenção de implantar um sistema de monitoramento da frota de veículos da prefeitura de Lavras afim de reduzir o consumo de combustível. Segundo ele, o sistema usaria o rastreamento por GPS para controlar o trajeto e a localização de carros, utilitários, ambulâncias e caminhões.

 Magnetti Marelli

Sem dar maiores detalhes. o prefeito eleito anunciou que está mantendo contatos com a Magnetti Marelli que, segundo ele, pretende transferir para Lavras uma planta da empresa que hoje funciona na cidade de Mauá (SP). Ainda segundo ele, subsidiárias da empresa também estariam interessadas em vir para a cidade. O prefeito comentou também que foi procurado por duas redes de supermercados, Rex e ABC, ambas interessadas em implantar na cidade seus centros de distribuição. Cada centro ocuparia uma área de 15 mil metros quadrados.

"Nós estamos tentando verificar quais as áreas que a gente tem, próximas deste tamanho,  e vamos discutir com eles esse valor, licitar isso de maneira clara, criar um tempo pra implantação desse projeto, porque você não pode doar terrenos e ficar "ad eternum". Eu tava fazendo um levantamento de registros cartoriais e verifiquei que nós temos hoje cerca de 780 terrenos na nossa cidade. A gente não sabe onde eles estão porque isso está desorganizado. 780 terrenos, onde eles estão? Eu não sei e nem a própria população sabe. A gente tem que organizar isso pra ver as oportunidades que a gente possa dar a todo mundo". afirmou.

O prefeito informou ainda que esta trabalhando para viabilizar a solução para problemas na área de saúde como atrasos na distribuição de medicamentos e realização de exames.

Perfil

O médico urologista José Cherem (PSD), tem 46 anos e irá assumir pela primeira vez um cargo eletivo na cidade. É irmão do ex-prefeito Marcos Cherem e do Deputado Estadual Fábio Cherem. Ele foi eleito prefeito de Lavras com 38.057 votos (78,12% do total).

Durante a campanha, José Cherem apresentou seu programa de governo em 26 páginas. Entre suas propostas estão a implantação do orçamento participativo no município, permitindo aos cidadãos influenciar ou decidir sobre o orçamento de investimentos da prefeitura. Ele também pretende criar um programa de incentivo a instalação de empresas em Lavras. Na área de saúde uma das propostas  é implantar uma central de agendamento de consultas e exames on-line (telefones e internet) que facilite a vida dos pacientes e suas famílias. Para acessar o documento na íntegra, clique neste link.


08/12/16

Gostou? Então compartilhe!

Tags:

Comente esta notícia

LEIA AS REGRAS: Comentários que contenham palavrões, ofensas ou que não tenham relação com o assunto tratado na notícia podem ser deletados sem nenhum aviso. Em hipótese alguma faça propagandas de outros sites ou blogs. OBS: Os comentários dos leitores não refletem a opinião de O LAVRENSE
Comentário(s)
5 Comentário(s)

5 comentários:

  1. Marília Carvalho21:51

    Pior do que o Silas não será. É impossivel.

    ResponderExcluir
  2. Anônimo07:58

    Se for bom como o irmão Marcos, Lavras melhora. Pior que o Silas, nem o Tiririca junto com a Dilma.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Leônidas Alvin19:34

      Concordo contigo. O Silas elevou a incompetência a um nível que dificilmente será superado.Boa sorte ao Zé. Espero que faça com bom governo.

      Excluir
  3. Emiliano20:22

    ( ͡° ͜ʖ ͡°) esperando pra vê no que vai dar...

    ResponderExcluir
  4. Anônimo18:52

    pau que bate em chico, bate em Francisco.

    ResponderExcluir