-->

Mineiro que fez mil pontos na redação do Enem vai cursar Letras na Federal de Lavras

O Lavrense
“Treinei muito em casa e na própria escola", revelou Fabrício.
O resultado da primeira edição de 2017 do Sistema de Seleção Unificada (Sisu) saiu nesta segunda-feira (30). E o dia foi de comemoração para o estudante Fabrício José da Silva da Escola Estadual Bolívar Boanerges da Silveira, em Alterosa, no Sul de Minas. Ele alcançou a pontuação máxima na prova de redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem), mil pontos.

O segredo, segundo Fabrício, é ler muito e sobre assuntos variados. “Treinei muito em casa e na própria escola. A leitura estimula a criatividade e ajuda nos argumentos e na proposta de intervenção. Em minha redação, utilizei citações dos filósofos Friedrich Nietzsche (alemão) e Thomas Hobbes (inglês), que calçaram minhas argumentações”, revelou.

Fabrício estudou até o terceiro ano do Ensino Médio em escolas públicas. Fez o fundamental, anos iniciais, em escola municipal e os anos finais e Ensino Médio em escolas estaduais. Na faculdade, a escolha é o curso de Letras. Fabrício vai estudar na Universidade Federal de Lavras (UFLA).

Outras três alunas colegas de Fabrício tiveram pontuação acima de 900 pontos: Larissa Aparecida Anchieta, Swéllen Carla de Fátima Souza e Elisa Cabral Terra. Segundo o diretor da Escola Estadual Bolívar Boanerges da Silveira, Nilson José de Souza, os resultados serviram de exemplo para outros alunos. “Ficamos muito contentes com essas notas e orgulhosos em nossa escola. Os resultados repercutiram muito nas redes sociais e na imprensa regional”. Nilson atribui o sucesso nas provas do Enem aos esforços tanto dos alunos quanto aos professores de Língua Portuguesa, Sabrina Gomes Merola e Rosângela Santos de Melo Silva.

Sabrina, que substituiu Rosângela nos dois últimos meses que antecederam as provas do Enem, contou que selecionou 12 temas que poderiam cair nas provas e um deles foi o escolhido: “Intolerância Religiosa”. “Durante esses dois meses os temas eram pesquisados pelos alunos e depois fazíamos debates em sala de aula, quando eram levantados os vários pontos de vista que eram trabalhados de forma a não ferir os Direitos Humanos”. Segundo Sabrina, os alunos já eram exemplares, mas se esforçaram muito para chegar aos resultados.

 ■ Leia também:

MGS abre Processo Seletivo Público Simplificado
A MGS – Minas Gerais Administração e Serviços S.A. –, empresa pública estadual, abriu o Processo Seletivo Público Simplificado para preenchimento de 26 vagas para diversas localidades do estado.
Lavras confirma primeiro caso de leishmaniose visceral
A Secretaria Municipal de Saúde de Lavras confirmou o primeiro caso de Leishmaniose Visceral registrado no município. Trata-se de uma menina de 12 anos, que reside no bairro Morada do Sol II.

30/01/17

Gostou? Então compartilhe!

Tags:

Comente esta notícia

LEIA AS REGRAS: Comentários que contenham palavrões, ofensas ou que não tenham relação com o assunto tratado na notícia podem ser deletados sem nenhum aviso. Em hipótese alguma faça propagandas de outros sites ou blogs. OBS: Os comentários dos leitores não refletem a opinião de O LAVRENSE
Comentário(s)
0 Comentário(s)

0 comentários: