-->

Lavras registra terceiro caso de leishmaniose visceral

Um bebê de 1 ano e meio foi identificado com leishmaniose visceral em Lavras. O terceiro caso da doença neste ano na cidade foi confirmado nesta sexta-feira (28) pela Secretaria Municipal de Saúde. Desde janeiro, uma adolescente de 13 anos e um homem de 36 tiveram a forma mais letal da leishmaniose. O bebê encontra-se internado no Hospital Vaz Monteiro e seu estado de saúde é considerado estável.

Causada por um protozoário, a leishmaniose é uma doença infecciosa crônica que pode se manifestar de quatro formas, sendo a tegumentar ou cutânea a mais leve e a visceral a mais grave, pois atinge o corpo inteiro, provocando anemia, fraqueza, febre muito alta e persistente e problemas em órgãos como o baço, podendo levar à morte. Em Lavras, o paciente de 36 anos não resistiu à doença, segundo a Secretaria de Saúde.

Desde janeiro, a secretaria vem fazendo campanha na cidade para combater a disseminação do protozoário, que é transmitido pela picada do flebótomo, conhecido popularmente como mosquito palha. A doença não é passada diretamente de uma pessoa para outra. Cães também são considerados hospedeiros da doença, mas não transmitem o protozoário diretamente entre si ou para humanos.

Com a confirmação do terceiro caso, a prefeitura informou que 12 agentes de saúde, junto com estudantes e professores da Universidade Federal de Lavras (Ufla), estão reforçando o trabalho de combate ao mosquito nos bairros Morada do Sol e Joaquim Sales, locais de residência dos pacientes.

Fonte: G1

 ■ Leia também:

Governador Fernando Pimentel entrega veículo para Lavras
O governador Fernando Pimentel, entregará, em Belo Horizonte, 158 veículos para os serviços do Instituto Estadual de Florestas (IEF). 
Prefeitura de Lavras fiscaliza uso irregular de calçadas
A Prefeitura de Lavras intensificou o trabalho de fiscalização e notificação aos proprietários cujos passeios públicos não estejam de acordo com a legislação municipal.
28/04/17

Gostou? Então compartilhe!

Tags: ,

Comente esta notícia

LEIA AS REGRAS: Comentários que contenham palavrões, ofensas ou que não tenham relação com o assunto tratado na notícia podem ser deletados sem nenhum aviso. Em hipótese alguma faça propagandas de outros sites ou blogs. OBS: Os comentários dos leitores não refletem a opinião de O LAVRENSE
Comentário(s)
1 Comentário(s)

1 comentários:

  1. Nair Botelho19:56

    Tadinho! Tomara que se recupere logo.

    ResponderExcluir