TRÁFICO LEVA CADA VEZ MAIS MULHERES PARA A CADEIA

Os homens ainda são maioria nas cadeias de Minas Gerais. São cerca de 11 mil em todo o Estado, contra apenas 600 mulheres. Mas, mesmo assim, a polícia está preocupada com o fato de o tráfico de drogas estar levando cada vez mais mulheres para os presídios da região.

Um levantamento recente mostrou que as mulheres do Sul do Estado estão indo pra cadeia, principalmente, por assumirem o tráfico assim que os maridos ou companheiros são mortos ou presos.

Em Pouso Alegre, existem 17 mulheres presas, e 90% são traficantes. Em Poços de Caldas, das dez mulheres presas, sete foram por tráfico de drogas. Varginha tem duas detentas pelo mesmo motivo. Em Lavras, uma mulher está presa por tráfico. Já na penitenciária de Três Corações existem 18 detentas, das quais seis se envolveram com drogas.

Em Passos, o crescimento foi ainda mais significativo. Em 2004, na cidade havia cinco mulheres presas por tráfico; agora são 19. Este tendência obrigou as autoridades do município a construírem uma ala feminina onde as mulheres ocupam parte do tempo com o artesanato.
Postagem Anterior Próxima Postagem