Educação ambiental é tema de oficina em congresso realizado na UFLA

A educação ambiental também é destaque no 5º Congresso Brasileiro de Plantas, Óleos, Gorduras e Biodiesel. Durante quatro dias de evento, alunos de escolas públicas e particulares visitaram o congresso e conheceram melhor o projeto Recicla Óleo através das Eco-oficinas.

Desenvolvido por membros do grupo de pesquisa G-Óleo, da Universidade Federal de Lavras – Ufla, o projeto recolhe óleo de cozinha usado, recicla e transforma em biodiesel, evitando assim a poluição de rios e mananciais.


Nas escolas o trabalho é de conscientização, através de teatro. De acordo com Rafael Peron, um dos coordenadores da pesquisa, em um ano aumentou significativamente a quantidade de óleo coletado nas cidades, o que é um reflexo da conscientização da população. “Nós fazemos teatro nas escolas, para mostrar às crianças a importância de reciclar o óleo”, explica Rafael.

Promovido pela Universidade Federal de Lavras – Ufla, o congresso se tornou referência no setor e tem discutido alternativas viáveis para o uso do biodiesel e outros produtos que não emitem gases do efeito estufa.

Usina Móvel de Biodiesel

Foi inaugurada durante o 5º Congresso Brasileiro de Plantas Oleaginosas, Óleos, Gorduras e Biodiesel, a primeira Usina Móvel de Biodiesel do País (foto).

A iniciativa é uma parceria entre a Universidade Federal de Minas Gerais – UFMG, Universidade Federal de Lavras – Ufla e Universidade de Itaúna e tem como objetivo levar a tecnologia a quem não teria acesso. O projeto foi montado em uma carreta cegonheira, que foi totalmente reformada, utilizando materiais recicláveis e mostra todo o processo de produção de biodiesel.

De acordo com o engenheiro responsável, Alex Nogueira Brasil, este é um projeto didático, que será levado em escolas e propriedades rurais. “Além de ser didático, ter uma unidade produtora de biodiesel móvel possibilitará a comunidades menores produzir biocombustível, sem a necessidade de ter uma unidade própria”, explica Alex.

Com uma produção de 100 litros por hora a usina móvel estará em exposição e aberta para visitação até o final do congresso, na sexta-feira, dia 11 de julho.

10/07/08
Postagem Anterior Próxima Postagem