BÓIAS-FRIAS COMEÇAM A SER OUVIDOS NESTA TERÇA

A Polícia Civil começa a ouvir hoje os sobreviventes do acidente em Santo Antônio do Amparo,ocorrido na última terça quando 14 bóias-frias morreram.

Os trabalhadores estavam sendo transportados em um caminhão e voltavam do trabalho em uma fazenda de café, na zona rural da cidade, quando o veículo bateu em uma mureta da BR-381 e capotou. As vítimas foram lançadas para fora do veículo.

De acordo com o delegado regional de Lavras, Ailton Pereira, que chefia as investigações do caso, não foi possível dar início aos trabalhos na semana passada já que os sobreviventes estavam muito abalados. O fazendeiro para o qual os bóias-frias trabalhavam será interrogado após a conclusão dos depoimentos das vítimas. Segundo o delegado, o laudo pericial que vai apontar as causas do acidente está previsto para ficar pronto nos próximos dias.
Postagem Anterior Próxima Postagem