APOSENTADO CAI NO GOLPE DA RECARGA DO CELULAR

Um golpe bastante conhecido que vem sendo aplicado em todo o Brasil, já assustou famílias e fez várias vitimas em Minas Gerais , também está deixando em polvorosa muitas pessoas no município de Lavras.

Nesta quinta-feira (18), a vítima foi um aposentado de 60 anos, morador do bairro Vila Vilela. De acordo com familiares, o aposentado Geraldo Ribeiro recebeu a ligação de um homem dizendo que sua filha, que mora em Pouso Alegre, havia sido seqüestrada.

O suposto seqüestrador teria inicialmente exigido o valor de R$15.0000,00 para que a filha do aposentado fosse libertada. Como a vítima alegou que não possuía aquela quantia, o valor do resgate foi reduzido para apenas R$500,00.

O autor pediu que o aposentado lhe passasse os códigos de vários cartões para celulares. A vítima fez o que foi solicitado e teve um prejuízo de R$500,00. Após repassar os códigos para o golpista, familiares da vítima ligaram para a filha e descobriram que se tratava de um golpe. O aposentado contou que só acreditou no homem porque realmente tem uma filha que reside em Pouso Alegre.

Veja como funciona o golpe do falso seqüestro:

O golpe é aplicado da seguinte forma: Uma pessoa liga a cobrar num determinado período, se identificando como agente da empresa de telefonia e que precisa checar algumas informações, desavisadas as pessoas que atendem a ligação, informam nomes, endereço e numero de pessoas residentes na casa.

De posse dessas informações, uma outra volta a ligar, desta vez com ameaças de morte, estupro e aterrorizam as famílias, caso estas não depositem certa quantia em dinheiro numa conta ou adquiram uma certa quantidade de cartões de celular pré-pago e repassem as senhas.

Desesperadas, algumas chegam a obedecer aos bandidos e concretizam a operação, seja depósito em contas indicadas ou o repasse das senhas de crédito de cartões de celular.
Postagem Anterior Próxima Postagem