APOSENTADA É ASSASSINADA DURANTE TENTATIVA DE ASSALTO EM LAVRAS

Uma tentativa de assalto terminou em tragédia na manhã deste sábado(26), em Lavras.
Dois homens invadiram a casa de uma aposentada no centro da cidade, renderam Odaléia Cambraia Oliveira, de 88 anos e duas funcionárias dela. Meias foram colocadas nas bocas das vítimas.

A polícia suspeita que Odaléia tenha morrido asfixiada.

Os vizinhos perceberam a movimentação e chamaram a polícia. Vicente Guimarães Evangelista, de 41 anos e Antônio Claret Borges, de 40 anos, foram presos ainda dentro da casa. Borges tem passagem por lesão corporal. Ambos foram levados para a delegacia local.

Postar um comentário

  1. Aldaísa Nunes26/9/09 17:27

    Lavras tá virando uma verdadeira selva.Como alguém é capaz de uma crueldade dessas? Deus tenha misericórdia da alma dessa pobre senhora.E que os criminosos sejam exemplarmente punidos.

    ResponderExcluir
  2. Concordo em gênero grau e número com a Aldaísa, contudo, tenho certeza que não háverá puniçao exemplar alguma, ao menso se depender da Justiça, pois é certo, público e notório, que em nosso País ninguem vai preso exemplarmente, no máximo ficam uns poucos anos de férias na penitenciária.
    Pena de morte já.

    ResponderExcluir
  3. "...acho que na atual circunstância de criminalidade neste país, a pena de morte seria a ÚNICA SOLUÇÃO, chega de criar cobras em cadeias, o dinheiro que é gasto com eles, dava para comprar os caixões dos executados e ainda sobraria para investir em pessoas honestas. Pena de morte para estes dois...."

    ResponderExcluir
  4. "...lamento muito por esta senhora de 88 anos de idade. No meu tempo de adolescência,meu pai me ensinou a respeitar as pessoas, principalmente os idosos, dos quais ele fazia questão que eu tomasse "benção", hoje 45 anos de idade, vejo o completo desrespeito para com a vida humana. Ainda bem que temos a imprensa, a qual devemos muito. Peço a direção de jornal online que acompanhe este caso, para que a justiça correta seja feita. Acredito no trabalho de vocês da imprensa.

    ResponderExcluir
  5. Lavras ta uma vergonhaaa,puro indiooooo,...Pena de mortee pra esses doidos otarios.O imposto que agente paga,deveria ser investidoo em coisas uteis e não ficar pagandoo coisas boas pra esses ladrões.Mato,roubou,...Pena de morte neles! LAVRAS VERGONHOSAAA,BRASIL SEM LEI.

    ResponderExcluir
  6. Marco Antônio29/9/09 19:33

    Infelizmente as drogas estão colocando alguns elementos em desespero para arranjar dinheiro para comprá-las, lamentavelmente.Hoje não se tem mais sossego apesar da boa e eficiente polícia militar mineira.Pena de morte já.

    ResponderExcluir
  7. Toda estória tem um lado. O crime foi sem dúvida um ocorrido lamentável. Mas a vítima não era tão vítima assim. Ela abusava de seus empregados, mautratava da irmã doente, e era uma pessoa amarga, ruim. Os ladrões estavam simplesmemte se vingando dos maus tratos dos empregados e tentando roubar dinheiro. Não sabiam que a vítima sofria do coração e não tinham intensão de matá-la. Já apanharam muito da políia e d outros presos. Merecem sim ser julgados, e presos como prescreve a lei. Mas não devem ser mortos e odiados. Não se corrige a violência com mais violência. Basta apenas analizar os dados de países que têm a pena de morte. A criminalidade não diminui. O que cria cidades seguras são oportunidades de emprego onde se possa ganhar dinheiro suficiente para sustentar uma familia. Tratamento effetivo para aqueles viciados em drogas. Bom policiamento, controle da corrupção política, educação da população. Os maiores criminosos são os políticos, baqueiros, e empresários. Abram seus olhos!!!!

    ResponderExcluir
  8. Me desculpe o anonimo, mas pe3lo visto ele não conhece as estatisticas de onde tem pende morte, fica ai com esse discurso de direitos humanos, quem rouba, estupra e mata não é ser humano em merece a pena de morte sim.
    Não importa quem é a vitima, com sempre ocorre os bandidos e os babacas dos direitos humanos, tentam crucificar a vitima e fazer o vilão de coitado.
    Se o sujeito e viciado em drogas mais um motivo para lhe aplicar a pena de morte, se nem ele da valor à sua vida, a sociedade e quem proteje-lo, pena de morte já, não para esses pq a lei não retroage mas para os proximos que assim agirem em desrepito à vida de um ser humano.
    Carlos Lindomar de Sousa

    ResponderExcluir
Postagem Anterior Próxima Postagem

نموذج الاتصال