PROJETO DA UFLA INCENTIVA ATIVIDADES FÍSICAS PARA IDOSOS EM LAVRAS

O projeto “Atividade Física e Saúde para Idosos”, desenvolvido pelo Departamento de Educação Física (DEF) da Universidade Federal de Lavras (Ufla) pretende incentivar a melhoria da qualidade de vida, com orientações sobre prevenção e promoção da saúde, adequadas às pessoas com idade igual ou acima de 60 anos.

As medidas de prevenção de doenças devem ser focadas em aumentar os anos de vida vividos com saúde, e não meramente prolongar a idade. Essa é a idéia do projeto “Atividade Física e Saúde para Idosos”, desenvolvido pelos Grupos de Pesquisa Laboratório de Pesquisa em Psicologia do Exercício (LAPPEX) e o Laboratório de Investigação e Estudos sobre Metabolismo e Exercício Físico (LIEMEF), do Departamento de Educação Física (DEF).
São oferecidas atividades físicas diversificadas como ginástica, dança, musculação, caminhada e atividades esportivas adaptadas. Além disso, o projeto também prevê palestras, oficinas e reuniões que abordem temas sobre saúde e envelhecimento.

De acordo com uma das coordenadoras do projeto, professora Priscila Carneiro Valim-Rogatto, as atividades visam a atender à necessidade de promover atividades direcionadas aos idosos, devido ao aumento da expectativa de vida dos brasileiros. “Pretendemos com este projeto não apenas proporcionar uma melhor qualidade de vida para este público, mas, também, promover uma troca de experiência de vida e conhecimento com os estudantes de graduação da Universidade, e proporcionar à comunidade o uso da estrutura que a Ufla dispõe para o desenvolvimento de atividades que visam a promoção a saúde”.

O professor Gustavo Puggina Rogatto, que também coordena o projeto, explica que os participantes são submetidos a uma avaliação física que permitirá a prescrição do exercício com maior segurança. “A prática de atividades físicas adequadas para o público da terceira idade pode trazer benefícios tanto físicos, como sociais e psicológicos, contribuindo para um estilo de vida mais saudável”.

Os interessados em participar do projeto devem ficar atentos: serão abertas novas vagas para a participação de pessoas com mais de 60 anos para o segundo semestre e as atividades serão no período da tarde.

Fonte: Ascom Ufla
Postagem Anterior Próxima Postagem