Aposentado morre após ser atacado por abelhas em Carrancas

Um aposentado de 83 anos morreu na manhã desta terça-feira (16) após ser atacado por de abelhas, na cidade de Carrancas. Vasco de Resende Reis foi socorrido com vida, mas faleceu a caminho do hospital.

Segundo vizinhos, ele não utilizava equipamento de segurança na hora do ataque do enxame.

Reis estava no começo de uma nova empreitada. Ele havia iniciado recentemente a criação de abelhas para a produção de mel. O caseiro que trabalha para vítima percebeu a movimentação e chamou a ambulância.

O corpo do aposentado será levado para o IML (Instituto Médico Legal) de Lavras, mas deve ser velado em Carrancas. Ainda não há horário para o enterro.
 

Saiba porque picadas de abelha podem até matar



Conseqüência de uma reação do sistema imunológico, o choque anafilático acomete pessoas alérgicas, em geral, minutos depois que elas entram em contato com determinadas substâncias.

Os casos mais comuns, segundo o alergista Aldo Fernando Nunes, acontecem quando as pessoas são picadas por abelhas, após o uso de alguns medicamentos, como a penicilina ou anti-inflamatórios, e em transfusões de sangue.

"É possível também acontecer o choque em pessoas alérgicas a determinados tipos de alimentos, como o camarão ou o morango. A incidência, porém, é menor", afirma o médico.


Entre os sintomas desse tipo de reação estão náusea, vômito, desmaios, dores pelo corpo, inchaços, placas de vermelhidão na pele, parada cardíaca, dificuldade em respirar, tontura, entre outros.

Para alguém desenvolver a reação, de acordo com o alergista, é preciso ter um contato anterior com o alérgeno, nome dado à substância que provoca alergia. Quando ocorre, por exemplo, uma nova picada de abelha, o organismo da pessoa alérgica produz por meio do sistema imunológico mediadores químicos que provocam vasodilatação e queda da pressão arterial.

Também podem ocorrer um edema de glote (válvula localizada na laringe), que ocasiona insuficiência respiratória, além de um broncoespasmo, quando os brônquios (condutos que levam o ar para dentro dos pulmões) se fecham e, como resultado, a pessoa deixa de respirar.

Com a pressão baixa, o que faz os órgãos não serem irrigados como deveriam, e a dificuldade em respirar, o organismo entra em choque, o que pode causar dano cerebral e até a morte.

Pessoas alérgicas devem sempre avisar os parentes mais próximos do problema. Em casos de picada de abelha ou outros insetos, deve-se procurar ajuda médica o quanto antes.
Postagem Anterior Próxima Postagem