--> PM e Ufla eleboram planejamento pedagógico para a Transitolândia - O Lavrense

PM e Ufla eleboram planejamento pedagógico para a Transitolândia

A Transitolândia da 6ª Companhia de Meio Ambiente e Trânsito, sediada em Lavras, inicia o planejamento pedagógico do programa educacional que atenderá professores, alunos e pessoas com necessidades especiais.

Em reunião realizada nesta quinta-feira (16), no Departamento de Educação (DED) da Universidade Federal de Lavras (UFLA), foi traçado o primeiro esboço do programa, sob a coordenação do comandante da 6ª Cia Ind Mat, tenente coronel PM Antônio Claret dos Santos e a professora Maria da Glória Bastos F. Mesquita, e participação do subtenente PM Vicente Aparecido da Silva, Cmt do 1º Pel PM RV.

Durante a reunião ficou decidido que o programa terá 3 públicos distintos: o primeiro composto de alunos do ensino primário, médio e fundamental; o segundo grupo seria composto por professores da rede de ensino, que desejarem tornar-se multiplicadores da educação no trânsito; e por fim o programa também atenderia pessoas com necessidades especiais e utilizam o trânsito diariamente.

Segundo a professora Glória o programa tem aspectos relevantes que serão considerados numa avaliação, dentre eles a parceria entre a universidade e polícia militar, a possibilidade de se formar multiplicadores da educação no trânsito, além da questão da acessibilidade.

O tenente coronel Claret destacou a questão da inovação, pois será a primeira vez que uma Transitolândia oferecerá um programa de formação para professores, visando tora-los multiplicadores. Também será a primeira vez que a questão da acessibilidade será tratada em uma transitolândia da Polícia Militar.

O conteúdo do programa será ministrado por policiais militares especializados em educação no trânsito e alunos de graduação e mestrado do Departamento de Educação. Os coordenadores pretendem submeter o programa a um edital da Fapemig, visando adquirir recursos para compra de equipamentos específicos de sinalização de trânsito para pessoas com necessidades especiais.

Numa nova reunião no início de março será formatado o programa e elaborado o projeto para submissão à Fapemig.

16/02/12

Gostou? Então compartilhe!

Tags: ,

Comente esta notícia

LEIA AS REGRAS: Comentários que contenham palavrões, ofensas ou que não tenham relação com o assunto tratado na notícia podem ser deletados sem nenhum aviso. Em hipótese alguma faça propagandas de outros sites ou blogs. OBS: Os comentários dos leitores não refletem a opinião de O LAVRENSE
Comentário(s)
0 Comentário(s)

0 comentários: