-->

Ex-baixista do Legião Urbana é encontrado vivendo nas ruas


O baixista Renato Rocha, que fez parte da formação original do Legião Urbana e participou da gravação dos três primeiros discos do grupo, agora vive na rua, no Centro do Rio. Em matéria exibida no "Domingo Espetacular", da Record, na noite deste domingo, o músico falou de sua vida após a fama.

Renato Rocha (E) fez parte da primeira formação da Legião Urbana | Foto: Reprodução Internet

Em um vídeo da época, Dado Villa-Lobos e Paulo Bonfá explicam que Renato Rocha foi expulso da banda por era "muito louco" e faltava aos ensaios e se atrasava para os compromissos.


"Ele era uma pessoa ótima, inteligente. Sóbrio era fácil de conviver", disse o músico sobre o amigo Renato Russo. "Eu nunca fui bom escritor, mas tinha ideias e conversava com ele, e ele escrevia", contou sobre o processo de criação das músicas.

Renato diz que está nas ruas há cinco anos, mas não consegue explicar direito como chegou a essa situação. O músico ainda revela que o dinheiro dos direitos autorais é muito pouco. "Como é que pode um disco vender mais de doze milhões de cópias e eu ficar na rua?", questiona.

A reportagem da emissora apurou junto ao Ecad - órgão responsável pela arrecadação e distribuição de direitos autorais no Brasil - que nos último dez anos ele recebeu R$ 109.953,00, uma média de R$ 916 por mês.




Gostou? Então compartilhe!

Tags:

Comente esta notícia

LEIA AS REGRAS: Comentários que contenham palavrões, ofensas ou que não tenham relação com o assunto tratado na notícia podem ser deletados sem nenhum aviso. Em hipótese alguma faça propagandas de outros sites ou blogs. OBS: Os comentários dos leitores não refletem a opinião de O LAVRENSE
Comentário(s)
3 Comentário(s)

3 comentários:

  1. Marcelle09:30

    O verdadeiro talento do Legião Urbana era o Rena Russo. o resto da galera aproveitou a carona. esse Rocha foi burro demais e acabou sendo expulso. o homem é seu próprio carrasco.

    ResponderExcluir
  2. Vinicius Orlandelli10:42

    Realmente é uma pena o Renato Rocha acabar assim na penúria. Da mesma forma é lamentável a situação do rock nacional hoje em dia. é só lixo. restart e seus clones dominam a programação das radios e tvs e quando não é isso é dupla sertanejo "universitario"...como diriam os antigos: CRUZ CREDÚ!

    ResponderExcluir
  3. Bruno Marcondes14:22

    Isso que dá mexer com tóxico!! agora faz parte da Legião de Mendigos que vivem nas ruas das grandes cidades :-/ que tristeza...

    ResponderExcluir