-->

Vítimas de acidente agora podem solicitar pagamento do DPVAT também nos Correios

A partir desta quarta-feira, as vítimas de acidentes de trânsito de Minas Gerais poderão solicitar, gratuitamente, o pagamento do seguro para danos pessoais causados por veículos automotores de via terrestre (DPVAT) nas agências dos Correios no estado.
O DPVAT pode ser acionado por vítimas de acidentes de trânsito com invalidez permanente, morte e para reembolso de despesas médicas e hospitalares. Toda pessoa que sofrer um acidente em território nacional, seja pedestre, motorista ou passageiro, tem direito ao seguro: basta procurar uma seguradora conveniada ou, a partir de agora, uma agência própria dos Correios em um dos estados em que a parceria está vigente. Com a ampliação da rede de atendimento, o Estado de Minas Gerais ganhará 931 novos pontos oficiais para entrada do DPVAT.

Segundo o presidente dos Correios, Wagner Pinheiro de Oliveira, “a parceria vem ao encontro do objetivo dos Correios de consolidar suas agências como pontos de acesso a serviços para os cidadãos brasileiros”. Os novos locais se somarão aos mais de 2.600 pontos de atendimento oficiais do DPVAT no Brasil. Documentos

Para dar entrada no pedido de indenização nos Correios, o interessado deve ligar para o telefone 0800 022 12 04 ou acessar o site www.dpvatsegurodotransito.com.br ou dirija-se a uma agência própria dos Correios. O pagamento da indenização será feito por meio de crédito em conta corrente ou poupança da vítima ou de seus beneficiários em até 30 dias a contar da data da entrega da documentação solicitada.

Os valores indenizados são de R$ 13.500, no caso de morte; até R$ 13.500, por invalidez permanente, variando conforme o grau de invalidez; e até R$ 2.700,00 para reembolso de despesas médicas e hospitalares, de acordo com os comprovantes.

17/10/12

Gostou? Então compartilhe!

Tags:

Comente esta notícia

LEIA AS REGRAS: Comentários que contenham palavrões, ofensas ou que não tenham relação com o assunto tratado na notícia podem ser deletados sem nenhum aviso. Em hipótese alguma faça propagandas de outros sites ou blogs. OBS: Os comentários dos leitores não refletem a opinião de O LAVRENSE
Comentário(s)
0 Comentário(s)

0 comentários: