;

Header Ads

Lavras não tem mais meia-passagem aos domingos e feriados

A tarifa especial reduzida no transporte coletivo urbano de Lavras, que permitia à população da cidade pagar apenas R$ 1,30 pela passagem aos domingos e feriados, agora ficará restrita apenas aos estudantes. A medida está valendo desde o dia 1º de julho e, no fim de semana, pegou muitos usuários de surpresa. A extinção do benefício para o restante da população foi a contrapartida da prefeitura na negociação com a empresa Autotrans/Turilessa para a manutenção do valor da passagem em R$ 2,45.

Segundo a prefeitura, a concessionária do transporte urbano pleiteava um aumento da tarifa para R$2,94, um reajuste de 20%, que foi negado pelo prefeito Marcos Cherem (PSD). O contrato de concessão da exploração do transporte urbano prevê reajuste anual. Insumos, tais como o óleo diesel, os pneus e custo com funcionários são freqüentemente apontados como razões para o alto preço da tarifa.

A tarifa especial reduzida no transporte coletivo urbano em Lavras foi instituída pela ex-prefeita Jussara Menicucci (PSDB), em 2009 por meio de decreto. Com a medida, válida nos domingos e feriados oficiais, a população passou a pagar na época apenas R$1,00, em todas as linhas regulares operadas pela empresa Autotrans. Posteriormente o valor foi corrigido para R$1,35.

Na época, a medida teria sido tomada levando em conta a necessidade de fomentar o deslocamento da população nos mais diversos pontos da cidade e também para promover maior acesso e incentivo à utilização do transporte coletivo urbano nos domingos e feriados oficiais.

08/07/14

3 comentários:

  1. Márcio Nilo09/07/2014 14:58

    Humm... o de sempre. Lavras é assim mesmo. um passinho pra frente...dois pra trás.

    ResponderExcluir
  2. eu não ando de onibus mesmo, azar da pobretada...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. um dia voce vai andar eu quero ver

      Excluir