--> Semana do Bebê em Ijaci divulga resultados de suas ações em 2017 - O Lavrense

Semana do Bebê em Ijaci divulga resultados de suas ações em 2017


O Instituto InterCement está em clima de comemoração pelos resultados alcançados em 2017 com o projeto Semana do Bebê, movimento intersetorial e interdisciplinar de valorização da primeiríssima infância, na cidade de Ijaci. O programa, idealizado pela Unicef em parceria com Fundo de Solidariedade Cultura Pastoral da Criança, é realizado pela InterCement Brasil, umas das maiores cimenteiras do país e o Instituto InterCement.

Durante uma semana, 17 cidades espalhadas pelos estados de Minas Gerais, Mato Grosso do Sul, Goiás, Bahia, Paraíba, Alagoas, Rio Grande do Sul, São Paulo e Pernambuco receberam o projeto, totalizando 14 semanas de atividades, mais de 3 mil atividades e um público atendido de mais de 30 mil pessoas.

As cidades participantes contaram com programação para toda a família com atividades como rodas de debates sobre comportamento, teatro de fantoches, oficinas de artesanato, palestras sobre de saúde para crianças, sarau, dança e muito mais.

Em 2017, o projeto na cidade aconteceu entre os dias 04 e 10 de junho e atendeu cerca de 3 mil pessoas em sete dias de programação e eventos.

"Esse ano, ficamos muito felizes com o balanço das ações. Mais que dobramos o número de participantes atendidos com relação à 2016, onde atendemos um pouco mais de mil pessoas. Durante uma semana cerca de 120 voluntários trabalharam em palestras, blitz, peças de teatros, oficinas de corte de cabelo, maquiagem entre outras atividades oferecidas à comunidade", afirma José Alicio Maia Barreto, Gerente da unidade Ijaci.

Além disso, no ano passado o projeto virou Lei Municipal o que coloca a Semana do Bebê no calendário oficial da cidade. A medida garante a realização da ação, todos os anos, independentemente da gestão da empresa ou do município.

Estudos realizados pelo Instituto InterCement mostram que após a implementação do projeto, as cidades tiveram aumento nos números em relação aos cuidados com a gestação e crianças:
• O número de nascidos vivos aumentou em 12 das 14 cidades
• Metade dos municípios reduziram o número de partos cesáreos e de mães adolescentes
• Número de nascidos vivos cujas mães fizeram 7 ou mais consultas de pré-natal também aumentou em 50% dos municípios
• 8 cidades aumentaram a taxa de aleitamento materno exclusivo

"Além das conquistas com relação à gravidez e aos primeiros meses de vida das crianças, avançamos também no acesso a creches e pré-escolas em 11 municípios. Destacamos que além da ampliação no número de matrículas, acreditamos ser fundamental debater a qualidade na educação. Por isso, apoiamos diversos projetos que complementam a Semana do Bebê como Brincadiquê, que acontece em Santana do Paraíso (MG), Apiaí e Itaoca (SP, Cata-vento que é realizado em Ijaci (MG); Aconchego, que acontece em Cajati (SP); Aquarela, em Cezarina (GO) e Ser Brincante, em Brumado (BA) " complementa Carla Duprat.

Sobre InterCement

A InterCement é a segunda maior empresa cimenteira do Brasil e uma das 10 maiores produtoras de cimento de perfil internacional do setor. Com sede em São Paulo, a companhia conta com 40 fábricas de cimento e moagens distribuídas por oito países na América do Sul, Europa e África e entre suas controladas estão a Loma Negra, maior cimenteira da Argentina, e a portuguesa Cimpor. No Brasil, possui as marcas Cauê, Goiás, Zebu e Cimpor. Fundada em 1967, a empresa tem como missão "Crescer e desenvolver-se em conjunto com clientes, colaboradores, fornecedores, acionistas e comunidades, direcionados por inovação, sustentabilidade e excelência operacional" e cimenta a sua presença nas comunidades em que se insere por meio da ampla atividade do Instituto InterCement.

27/04/18

Gostou? Então compartilhe!

Tags: , , ,

Comente esta notícia

LEIA AS REGRAS: Comentários que contenham palavrões, ofensas ou que não tenham relação com o assunto tratado na notícia podem ser deletados sem nenhum aviso. Em hipótese alguma faça propagandas de outros sites ou blogs. OBS: Os comentários dos leitores não refletem a opinião de O LAVRENSE
Comentário(s)
0 Comentário(s)

0 comentários: