CPI dos Fura-Filas quer ouvir atual e ex-secretário de Saúde

CPI dos Fura-Filas quer ouvir atual e ex-secretário de Saúde

A Comissão Parlamentar de Inquérito (CPI) dos Fura-Filas da Vacinação aprovou, na última sexta-feira (19), os primeiros requerimentos para início de seus trabalhos. Entre as solicitações, convites ao atual secretário de Estado de Saúde, Fábio Baccheretti, ao ex-secretário da pasta, Carlos Eduardo Amaral, e ao ex-secretário adjunto de Saúde, Luiz Marcelo Cabral Tavares, para prestar esclarecimentos sobre o processo estadual de vacinação contra a Covid-19.

A CPI foi criada pela Assembleia Legislativa de Minas Gerais (ALMG) para apurar a vacinação irregular de grupos não prioritários no Estado, o baixo investimento na ampliação de leitos para o enfrentamento da pandemia de Covid-19 e a não aplicação do mínimo constitucional em serviços públicos de saúde.

No total, dez requerimentos foram aprovados pelos integrantes da CPI, incluindo convites a diversas autoridades para que prestem seus depoimentos, pedidos de realização de audiências com convidados, além de solicitação de informações e documentos oficiais do governo.

Apesar de terem sido priorizadas dez solicitações, o presidente da CPI, deputado João Vítor Xavier (Cidadania), afirmou que dezenas de requerimentos foram apresentados à CPI pelos parlamentares. Por acordo de líderes, os demais pedidos deverão ser examinados na próxima reunião, na terça-feira (23).

Durante a reunião, o presidente da CPI também divulgou um e-mail para o qual a população pode encaminhar denúncias sobre casos irregulares de vacinação contra a Covid-19. As denúncias serão mantidas em sigilo e podem ser enviadas para cpi.fura.filas@almg.gov.br.

Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem