Prefeitura de Lavras diz que vai apurar caso de adolescente vacinado contra Covid-19

Prefeitura de Lavras diz que vai apurar caso de adolescente vacinado contra Covid-19

Um jovem de 17 anos foi vacinado contra a Covid-19 nesta terça-feira (15) em Lavras, após apresentar  laudo de comorbidade, assinado por médico.  Um vídeo registrando o momento em que ele recebeu a dose e a foto da carteira do SUS com o comprovante da vacina foi postado nas redes sociais. O caso gerou repercussão na cidade.

O assunto também ganhou destaque no jornal O Estado de Minas, um dos maiores veículos de imprensa mineiros. Segundo a reportagem, o vídeo foi enviado para assessoria de imprensa do governo municipal que anunciou que vai abrir um processo administrativo para apurar o caso.

Nesta quarta-feira (16), a assessoria da prefeita Jussara Menicucci, por meio de nota, confirmou a veracidade das informações. De acordo com o texto, a técnica de enfermagem responsável pela conferência dos documentos se ateve ao atestado das comorbidades, mas se equivocou com a data de nascimento do paciente. 

Confira, abaixo, a nota de esclarecimento divulgada pela Prefeitura de Lavras:

 

Nota de Esclarecimento


A Secretaria Municipal de Saúde de Lavras informa que, nessa terça-feira, 15/06, no PSF 17, do bairro Dona Wanda, um paciente menor de idade compareceu para vacinação com relatório médico indicando comorbidades (CID F41.1; F41.0; F32.11), conforme exige o Programa Nacional de Imunização - PNI, do Ministério da Saúde

O volume de pessoas era grande no momento, e a técnica de enfermagem responsável pela conferência dos documentos se ateve ao atestado das comorbidades, mas se equivocou com a data de nascimento do paciente, o que seria também de responsabilidade do familiar que acompanhava o menor.

Conforme o atestado médico indicando a necessidade da imunização, a enfermeira liberou o paciente para receber a dose da vacina Astrazeneca contra a Covid-19.

Ao receber a denúncia o município se encarregou imediatamente de apurar os fatos. Após confirmar das informações, a Secretaria de Saúde tomou as seguintes medidas:

 -o menor está sendo acompanhado pela equipe do PSF;

-foi aberto procedimento administrativo para apuração de responsabilidades.

Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem