Prefeitura diz que não houve aplicação de AstraZeneca vencida em Lavras

Prefeitura diz que não houve aplicação de AstraZeneca vencida em Lavras

A Prefeitura de Lavras, através da Secretaria Municipal de Saúde, negou a aplicação de doses vencidas da vacina AstraZeneca na cidade.

Um levantamento baseado no cruzamento de dados oficiais do governo federal aponta que ao menos 26 mil pessoas podem ter recebido doses vencidas da vacina AstraZeneca contra a Covid-19. O trabalho dos pesquisadores Sabine Righetti, da Unicamp, e Estêvão Gamba, da Unifesp, foi publicado nesta sexta-feira (2) pelo jornal "Folha de S. Paulo". 

Lavras estaria  entre as cidades do Sul de MG que teriam aplicado doses vencidas da AstraZeneca. A prefeitura nega.

Por meio de nota, a administração municipal informou que recebeu as doses do imunizante do Lote 4120Z001 no início de março. A data de validade das vacinas do referido lote era dia 29/03/21. As pessoas que receberam as doses desse loto foram imunizadas no início do mês de março, antes do vencimento.

Confira, abaixo, a nota de esclarecimento divulgada pelo governo municipal:

Prefeitura diz que não houve aplicação de AstraZeneca vencida em Lavras



Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem