Incêndio florestal é debelado pela Polícia Ambiental de Lavras

Incêndio florestal é debelado pela Polícia Ambiental de Lavras

Na tarde desta quarta-feira (18), no município de Itumirim, a guarnição policial do Meio Ambiente, comanda pelo 3º Sgt Gustavo, avistou grande quantidade de fumaça na zona rural, atrás de uma região montanhosa, conhecida por Serra do Sofá. De imediato a equipe se deslocou para esse local para averiguar o que estava acontecendo, se deparando com um incêndio florestal, cujo fogo estava se direcionando para a referida serra.

Os militares iniciaram o combate ao incêndio utilizando-se de ramos para abafar o fogo e da técnica do contra fogo, que consiste em atear fogo de encontro a um incêndio florestal para impedir-lhe a propagação. Após intenso trabalho, foi possível extinguir o fogo, evitando seu contato com a região de serra, o que poderia causar grande dano ambiental à fauna e a flora, pois o fogo poderia destruir uma região muita extensa. 

Apesar dos esforços dos três militares da guarnição, o incêndio destruiu uma área adjacente à serra de 60 hectares constituída por pastagem, plantio de eucaliptos e vegetação nativa em área comum e de preservação permanente. Não foi possível identificar o autor do incêndio.

A Polícia Militar do Meio Ambiente orienta que provocar incêndio em mata ou floresta é crime capitulado no Artigo 41 da Lei Federal 9605/98 com pena de reclusão de 2 a 4 anos e multa bem como no Artigo 250 do Código Penal, que prevê pena ainda mais grave.

Informações e denúncias à Polícia de Meio Ambiente podem ser feitas pelo telefone (35) 3829-2123 ou pelo e-mail: pmambientallavras@gmail.com


Fonte: Polícia Militar de Meio Ambiente 

Postar um comentário (0)
Postagem Anterior Próxima Postagem