-->

Operação Octopus cumpre mandados de busca e apreensão em Lavras

operação policial em Lavras

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), por meio do Grupo Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), deflagrou na manhã desta sexta-feira (12), a Operação Octopus. Foram cumpridos 13 mandados de busca e apreensão e um mandado de prisão preventiva em Lavras.

Ações penais ajuizadas anteriormente revelaram que servidores públicos de vários setores formaram uma rede de proteção e vazamento de informações sigilosas para a contratação de shows artísticos e lavagem de dinheiro. Novas investigações realizadas nos últimos meses descobriram uma complexa rede de agiotagem que fazia uso de documentos falsos, lavagem de dinheiro e corrupção para a perpetuação da atividade criminosa.

A operação foi realizada em conjunto com a Promotoria de Justiça de Defesa do Patrimônio Público da comarca de Lavras e com a equipe de combate a fraudes da 6ª Região Fiscal, da Receita Federal. Participaram nove promotores de Justiça, 14 servidores do MPMG, 46 policiais e seis auditores da Receita Federal.

12/04/19

Gostou? Então compartilhe!

Tags: , ,

Comente esta notícia

LEIA AS REGRAS: Comentários que contenham palavrões, ofensas ou que não tenham relação com o assunto tratado na notícia podem ser deletados sem nenhum aviso. Em hipótese alguma faça propagandas de outros sites ou blogs. OBS: Os comentários dos leitores não refletem a opinião de O LAVRENSE
Comentário(s)
0 Comentário(s)

0 comentários: