Polícia Civil de Lavras deflagra operação Maria da Penha

Polícia Civil deflagra operação Maria da Penha em Lavras

A Polícia Civil de Lavras deflagrou nesta quinta-feira (5),  a operação Maria da Penha, que resultou no cumprimento de dois mandados de prisão de dois homens, investigados em casos distintos relacionados com violência doméstica.

Conforme a equipe da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) em Lavras, os suspeitos, de 38 e 56 anos, foram presos em virtude do descumprimento de medidas protetivas de urgência em favor das respectivas vítimas, decretadas judicialmente com base na Lei 11.340/2006.

Durante as investigações, foram ouvidas testemunhas, bem como foram juntadas aos autos capturas de tela de mensagens em que os agressores insistiam em falar com as vítimas, mesmo com a ordem de distanciamento.

A delegada titular da Deam, Ana Paula Santana de Rezende Arruda, destaca que, apesar de serem duas investigações de inquéritos independentes, os casos guardam semelhanças. 


“São típicos casos de relacionamentos abusivos, em que os investigados não toleram o fim da relação, possuem sentimento de posse sobre as mulheres e descumprem as medidas protetivas, o que gera a possibilidade da prisão preventiva”, explica Ana Paula.


Os inquéritos policiais estão em fase de conclusão.


Violência doméstica


A Polícia Civil orienta que todo caso de violência doméstica e familiar contra a mulher seja denunciado. O registro pode ser feito diretamente em unidade policial, via disques 180 ou 181 e também pela Delegacia Virtual nos casos de ameaça, vias de fato/lesão corporal e descumprimento de medida protetiva. Acesse o aqui manual produzido pela Polícia Civil e saiba mais sobre o tema. 

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

نموذج الاتصال