Scolforo é eleito reitor da UFLA com 47,32% dos votos

Scolforo é eleito reitor da UFLA com 47,32% dos votos

 A comunidade acadêmica da Universidade Federal de Lavras (UFLA) elegeu, nesta quarta-feira (22/11), o novo reitor para a gestão 2024-2028. A chapa composta pelo professor José Roberto Soares Scolforo, do Departamento de Ciências Florestais, e pelo professor Jackson Antônio Barbosa, do Departamento de Engenharia Agrícola, recebeu 47,32% dos votos válidos.

A chapa Ser UFLA, composta pelos professores Márcio Machado Ladeira e Moacir de Souza Dias Júnior, obteve 28,69% dos votos, e a chapa Reviver na UFLA, composta pela professora Cristina Lelis Leal Calegario e pelo professor Antônio Maria Pereira de Resende, alcançou 23,99%.

O anúncio dos nomes eleitos foi realizado às 21h10, após a apuração dos votos. A votação foi realizada entre 8h e 21h, com participação recorde de 4.478 eleitores, o que representa 72,19% do eleitorado.

Em entrevista à imprensa, o reitor eleito, professor Scolforo, afirmou que a gestão será voltada às pessoas. "Voltaremos aos setores para conversar com mais calma, para lapidar o plano de trabalho a partir dos anseios da comunidade", disse.


Consulta pública


Esta é a 7ª consulta pública para a escolha de reitor e vice desde a transformação da Escola Superior de Agricultura de Lavras (Esal) em Universidade Federal de Lavras (UFLA). Pela primeira vez, a votação foi realizada de forma remota, pelo Helios Voting, um sistema com segurança criptográfica já utilizado por grandes universidades brasileiras, como a Universidade de São Paulo (USP), Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG).

O sistema de votação eletrônica possibilitou um expressivo aumento da participação de votantes, que alcançou um número recorde de eleitores em números absolutos e em percentuais.

O processo eleitoral foi organizado por uma comissão, composta pelas entidades representativas dos segmentos da comunidade universitária: estudantes da graduação, estudantes da pós-graduação, docentes, técnicos administrativos. Essa foi a consulta pública mais expressiva da história da Universidade, tanto em votos absolutos, quanto em votos percentuais.

O resultado da consulta pública será admitido como subsídio para a composição da lista tríplice pelo Colégio Eleitoral, composto pelo Conselho Universitário (CUNI), Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão (CEPE) e Conselho de Curadores (CCUR). A lista tríplice é utilizada pela Presidência da República para a nomeação do novo reitor, que tomará posse em maio de 2024.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

نموذج الاتصال