TRW INICIA EM MAIO A FABRICAÇÃO DE VOLANTES DE DIREÇÃO EM LAVRAS

O bom momento da indústria automotiva está impulsionando os investimentos da fabricante de autopeças TRW em Lavras. O presidente da empresa no país, Moisés Bucci, anunciou que pretende dispor de R$ 120 milhões para investir nas operações brasileiras nos anos de 2007 e 2008. A maior parte desse montante deve ser destinada à ampliação da capacidade instalada da empresa, que atualmente está entre 85% e 90%, em três turnos de atividade.

"As demandas das montadoras e os novos contratos de exportação têm exigido cada vez mais de nossa produção. Por isso estamos investindo em ampliação da capacidade " , revela Bucci, que tem como ponto forte de suas operações os sistemas de freio, que no Brasil recebem a marca Varga, e os sistemas de direção.

Em maio, acontece a implantação de uma linha para fabricação de volantes de direção na planta da TRW em Lavras. Esse empreendimento já absorveu R$ 9 milhões da TRW.
Até o final do ano, outros 25 milhões devem ser destinados à mesma fábrica instalada na cidade para a criação de uma nova linha de produção de cintos de segurança, já que a linha atual, na cidade de Limeira, em São Paulo, não tem capacidade para absorver os novos contratos que a TRW está fechando com as montadoras brasileiras.

Para o ano que vem, o objetivo da TRW brasileira é a nacionalização da produção de sistemas air bag. Atualmente, 11% dos veículos montados no Brasil saem com air bags importados da TRW mundial, segundo Bucci.

O plano da divisão brasileira é começar fabricando os componentes mais simples do sistema para vender para as montadoras brasileiras. Bucci espera que as primeiras peças do air bag brasileiro sejam produzidas a partir de 2008.

O faturamento da TRW no Brasil em 2006 ficou em R$ 1,2 bilhão, o que corresponde a cerca de 4% da operação mundial da indústria, que tem atuação em 28 países. No ano passado, a divisão brasileira investiu R$ 60 milhões no país.
Postagem Anterior Próxima Postagem