Possato quer eliminador de ar nos hidrômetros da Copasa

O vereador Marcos Possato (foto), aguarda a próxima reunião da Câmara Municipal de Lavras para que seu projeto de lei dispondo sobre a instalação de equipamento eliminador de ar nas tubulações do sistema de abastecimento de água da Copasa, entre em votação.

De acordo com o texto a Copasa será obrigada a instalar, ou permitir a instalação, por solicitação do consumidor de equipamento eliminador de ar no encanamento que antecede o hidrômetro do seu imóvel. Os custos correrão por conta do contribuinte.

O vereador acredita que a instalação do aparelho trará muitos benefícios aos consumidores de água da COPASA, podendo oferecer economia no custo do consumo de água. "Várias prefeituras do estado já adotam a medida e existe a Lei Estadual 12.645/1997, prevendo a instalação dos eliminadores de ar nos hidrômetros, porém, essa norma não vem sendo cumprida", afirma Possato.

Possato ainda cita algumas vantagens da instalação do eliminador de ar. Por exemplo: a certeza de se pagar pelo real volume de água consumido; o aumento da vida útil do hidrômetro; não interferência na medição entre outras. "Por fim, gostaria de esclarecer que os reajustes aplicados e o aumento da conta provocado pelo acúmulo de ar nas tubulações tem gerado inadimplência, uma vez que significativo número de consumidores em nosso município encontra-se desempregados ou vivem com baixos salários", defende o vereador.

23/05/07
Postagem Anterior Próxima Postagem