Inteligência emocional é tema de palestra no 8º Batalhão

Militares da guarnição Lavras se reuniram no auditório do 8º Batalhão para instrução semanal, onde tiveram a oportunidade de ouvir uma palestra sobre Inteligência Emocional, com a Psicóloga Rossana Lara, da secretaria de Promoção da Cidadania da Prefeitura de Lavras.

A palestrante esclareceu que a inteligência emocional envolve as emoções voltadas em prol de si mesmo, implicando assim no autoconhecimento.

Militares aproveitaram a oportunidade para esclarecer dúvidas sobre o tema.
A flexibilidade mental, o equilíbrio emocional e a determinação são alvos a serem trabalhados no dia a dia. Adquirindo a capacidade de se auto conhecer, lidar com os sentimentos, controlando e administrando as emoções, os profissionais de segurança pública conseguem melhor desenvoltura nas execuções operacionais, podendo assim direcionar o rumo de uma ação conflituosa.

Segundo a psicóloga, a auto-análise é fundamental para a questão da individualização e do conhecimento da temática ação e reação.

As emoções influenciam direta e indiretamente as pessoas em suas decisões, colaborando assim com o amplo e global crescimento do indivíduo. Pode ser desenvolvida positivamente já que possui tanta influência sobre as pessoas através das observações e avaliações do próprio comportamento e sentimento, ocultando sentimentos como raiva, desânimo, frustração e substituindo-os por bom-humor, entusiasmo, positivismo, dependendo é claro, de cada um e de cada circunstância.

Fonte: Ascom 8º Batalhão.

Postar um comentário

  1. Ronilson Maia17/4/10 12:17

    Eu acho que o problema da Polícia hoje em dia é isso aí: palestras demais, cursos demais, fotos de mais, entrevistas demais, projetos demais, seminários demais, reuniões demais,convênios demais,planejamento demais, parceria disso e daquilo e enquanto isso o crack toma conta da nossa juventude. é muito blá, blá,blá e pouca ação. uma pena.

    ResponderExcluir
  2. Ronilson, o que seria da população sem cultura, sem conhecimento... não adianta nada abordar as pessoas sem que haja uma civilização mais adequada, talves agora este tipo de palestra e bla bla como vc diz faz com que os policiais tenham mais postura e inteligencia para concretizar um trabalho em prol da sociedade e não viver como antes só da briga, pois não se controlará o crack por exemplo sem uma boa conversa e ajuda c aqueles que necessitam de um acompanhamento

    ResponderExcluir
Postagem Anterior Próxima Postagem

نموذج الاتصال