;

Header Ads

Operação Montesa cumpre mandados de prisão em Campo Belo e Santo Antônio do Amparo

Operação Montesa cumpre mandados de prisão em Campo Belo e Santo Antônio do Amparo

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), por meio do Grupo de Atuação Especial de Combate ao Crime Organizado (Gaeco), núcleo Varginha, e dos promotores de Justiça criminais da comarca de Campo Belo, em ação conjunta com as Polícias Militar e Civil, deflagrou, nesta quarta-feira, 10 de junho, a Operação Montesa, destinada a desmantelar uma associação criminosa atuante em Campo Belo e em outros municípios da região.
 
Conforme apurado, o grupo conta com participação de integrantes do Primeiro Comando da Capital (PCC) e dedica-se ao tráfico de drogas, à prática de explosões de caixas eletrônicos, a roubos e homicídios.
 
Estão sendo cumpridos, nesta manhã, 26 mandados de busca e apreensão, 24 mandados de prisão preventiva, um mandado de internação (contra menor de 18 anos) e 12 mandados de busca e apreensão de veículos automotores, nos municípios de Campo Belo e Santo Antônio do Amparo. A Justiça decretou, ainda, a indisponibilidade de imóveis dos denunciados e do numerário que possuem em instituições financeiras.
 
Participam das diligências 99 policiais militares, 49 policiais civis e dois promotores de Justiça. Foram empenhadas 55 viaturas, duas aeronaves e os canis das Polícias Civil e Militar. A operação conta, ainda, com o apoio de agentes do Departamento Penitenciário de Minas Gerais, que estão realizando o recebimento e o transporte dos presos. As investigações duraram aproximadamente sete meses.

Nenhum comentário