Cravista Rosana Lanzelotte se apresenta em Lavras neste sábado

Cravista Rosana Lanzelotte se apresenta em Lavras neste sábado
Rosana Lanzelotte - Foto: Divulgação

O Musica Brasilis, o maior e mais importante acervo de partituras de música brasileira, anunciou uma descoberta inédita que pode representar um acontecimento histórico para a música brasileira. Trata-se da possível composição de Dom Pedro I, uma peça intitulada "Valse", encontrada no volume manuscrito Ms. 7703 da Biblioteca Nacional da França.

O compositor austríaco Sigismund Neukomm foi mestre de música de D. Pedro entre 1816 e 1821 e mencionou em seu catálogo a elaboração de arranjos para orquestra a partir de “seis valsas de D. Pedro”. Até hoje, essas composições não foram localizadas, nem os arranjos de Neukomm. No entanto, dentre as 25 peças do volume manuscrito que se encontra na BnF, a “Valse” é a única que não traz o autógrafo de Neukomm e que não foi mencionada em seu catálogo, o que aponta para a possibilidade de tratar-se de uma das peças de autoria de Dom Pedro I, ainda não encontradas.

A partitura teria sido copiada por Neukomm, como era hábito corrente e como fez com diversas outras durante a estadia no Brasil. Ademais, seus elementos compositivos são claramente distintos daqueles característicos do músico austríaco e, por sua vez, podem ser avaliados como próximos de outras peças do então Príncipe.

A valsa será interpretada pela cravista Rosana Lanzelotte no espetáculo "O Amor Brasileiro", que acontece em Lavras no próximo sábado, dia 06 de maio,  às 19 horas, no Auditório Martha Roberts, no Campus Kemper do Instituto Gammon, na Praça Dr. Augusto Silva. Essa é uma oportunidade única para apreciar, pela primeira vez após a possível descoberta, esta valsa inédita de D. Pedro I. A descoberta pode representar uma importante contribuição para a história e para a valorização da música brasileira. A entrada é gratuita.

Postar um comentário

Postagem Anterior Próxima Postagem

نموذج الاتصال