Sobram empregos para profissionais qualificados em Lavras

Faltam profissionais qualificados em Lavras, principalmente para atender às áreas técnicas do mercado. Segundo Maria Celeste Pinto, responsável pelo SINE em Lavras, pelo menos 15% das cerca de vagas que são oferecidas todo mês pelo Sistema Nacional de Emprego (Sine) da cidade não são preenchidas porque não existem pessoas com formação técnica ou com experiência suficiente para atender a determinados segmentos.

Operador de draga, rastilheiro, borracheiro, mecânico, carpinteiro, costureira, açougueiro, confeiteiro e padeiro são algumas das vagas mais oferecidas e que carecem de mão-de-obra qualificada.

Para se ter uma ideia da dimensão desse déficit, as vagas para profissionais destas áreas chegam a ficar abertas no Sine por até dois meses antes de serem preenchidas ou excluídas do sistema, o que acontece na maioria das vezes.
O mercado mudou. Existem vagas e as empresas querem alguém que tenha conhecimento da função. Ou os candidatos têm a experiência ou têm qualificação”, disse.

A dificuldade em preencher estas vagas oferecidas pelo mercado é grande porque, além da falta de qualificação, não existe interesse por estas profissões e, principalmente, porque ao longo dos anos não houve uma preocupação na formação da mão-de-obra para estas atividades. A maioria das vagas existentes é para empregos “braçais”, que os jovens que estão entrando no mercado de trabalho hoje não querem exercer.

SINE aposta na formação de novos profissionais

A SEDESE (Secretaria de Desenvolvimento Social e Esporte), através do SINE e da Prefeitura Municipal de Lavras, em parceria com o SENAC, realiza em Lavras o curso de Padeiro e Confeiteiro, totalmente gratuito.

As inscrições serão no SINE, nos dias 9,10 e 11 de junho de 2008, preferencialmente para faixa etária de 16 a 24 anos(maiores informações no ato da inscrição.

O SINE em Lavras funciona na Rua Francisco Sales 805, no prédio do Psiu. Mais informações pelo Telefone 3821-5048.

09/06/08
Postagem Anterior Próxima Postagem