;

Header Ads

Prefeitura e Câmara de Divinópolis publicam notas de repúdio à fala de prefeito de Lavras

Prefeitura e Câmara de Divinópolis publicam notas de repúdio à fala de prefeito de Lavras
Prefeito de Lavras fala sobre Divinópolis na quinta (23) — Foto: Facebook/Reprodução

A Prefeitura e Câmara Municipal em Divinópolis emitiram notas de repúdio, nesta sexta-feira (24), após o prefeito de Lavras José Cherem (PSD) publicar um vídeo no Facebook, na noite desta quinta (23), dizendo aos moradores da cidade  que, por conta dos casos confirmados de coronavírus, evitassem ir ao município do Centro-Oeste, além de não receber cidadãos e também não adquirir produtos que viessem da cidade.


“O que preocupa é a cidade mais próxima que é Divinópolis. Parece que lá tem mais de mil casos suspeitos e 61 confirmados da Covid-19. É uma cidade que pode contaminar todo o Sul de Minas, porque nós temos um certo contato, não necessariamente com Divinópolis, nossos casos vão para Varginha. O número de casos está muito elevado em Divinópolis e a transmissão está muito rápida. Oliveira, que também é próximo, também nos preocupa”, afirma Cherem em vídeo nesta quinta.

O prefeito de Lavras completa dizendo “tomem muito cuidado com essa ida ou com o material que possa vir de Divinópolis, ou pessoas que possam vir de Divinópolis, ou roupas”.


Veja abaixo, na íntegra, as notas de repúdio emitidas pela Prefeitura e a Câmara.


Prefeitura


"O Povo de Divinópolis, através de seu Prefeito, Galileu Teixeira Machado, vem a público manifestar seu desagravo à fala leviana e irresponsável do Prefeito da vizinha cidade de Lavras (MG), publicada nas redes sociais, em que incita a população de sua cidade a evitar Divinópolis e até mesmo o absurdo de evitar o contato com qualquer divinopolitano.

Lamentavelmente, não há cidade, bairro ou rua do mundo hoje que não esteja sob a ameaça dessa pandemia. Mas, aqui em Divinópolis, tratamos o problema de frente, com o rigor técnico e com uma visão humanitária. Não concordamos com ninguém que seja que tente justificar alguma situação buscando uma atitude preconceituosa.

Certo de que tal postura não representa, em nenhum momento, a posição sempre amiga do povo lavrense, lamentamos que atitudes como essa evidenciem o despreparo para um momento em que os municípios, contrariando o que foi dito pelo Prefeito, mais deveriam buscar a união em defesa da vida de nossos cidadãos, todos filhos de um mesmo Estado e quem sofrem da mesma dura realidade.

Polo de uma região com cerca de 1,4 milhão de mineiros, Divinópolis tem como uma de suas principais virtudes o respeito a todos. Continuaremos a nos relacionar com a população da querida cidade de Lavras. Tal atitude não impedirá que as portas da cidade do Divino continuem abertas a todos os lavrenses, assim como acreditamos que seremos sempre bem recebidos pelo povo deste importante município mineiro. Mais que interligados, por rodovias, economia, cultura e laços familiares de nossos moradores, Divinópolis e Lavras estão unidas pela construção de uma Minas Gerais melhor para todos".


Câmara dos Vereadores

A nota emitida pelo Legislativo foi emitida pelo presidente da Casa, vereador Rodrigo Kaboja (PSD), em nome da Mesa Diretora e demais membros do Poder Legislativo. Veja abaixo.

"Como presidente da Câmara de Vereadores de Divinópolis, honro os interesses da minha cidade e estou ciente da minha responsabilidade à frente do Poder Legislativo. Digo isso porque sei, mesmo em um momento de dificuldades, inseguranças e uma Pandemia que afeta a todos, do trabalho diário da nossa população.

Diante disso, é lamentável que um agente político, um prefeito eleito com o voto popular, instrumento fundamental do Estado democrático de Direito, possa insinuar por meio de vídeos postados em redes sociais qualquer tipo de atitude contrária e prejudicial frente ao povo e a economia (em especial, nosso Polo Confeccionista) uma cidade irmã.

Divinópolis e Lavras tem perfis parecidos. São municípios progressistas, referências de trabalho e evolução ao longo do tempo. Mas da mesma forma que a Pandemia do Coronavírus se torna um desafio para nós, também temos certeza que em Lavras, as autoridades locais sabem da responsabilidade que lhe caem sobre os ombros. Não é hora para alarmismos e falas de desrespeito.

Dito isso, nós do Poder Legislativo de Divinópolis, reafirmamos que não há espaço para discursos gratuitos, rasos e recheados de despropósitos e preconceitos. Nossa cidade, população, empresariado e autoridades de saúde, que tanto tem se sacrificado e trabalhado pelo pleno restabelecimento diante dessa Pandemia exigem respeito. Manifestações como a do senhor José Cherem são ofensivas, do ponto de vista da cordialidade e do trabalho, e têm de ser repelidas como toda a indignação possível pelas nossas autoridades".

Trechos do vídeo publicado na sexta

Após a repercussão sobre as falas acerca de Divinópolis, José Cherem publicou um novo vídeo na noite desta sexta sobre o assunto.

“Queria dizer uma boa noite à cidade de Divinópolis, ontem fui muito mal interpretado. Queria dizer à população que a minha luta é contra a doença, como deve ser. O enfrentamento da doença [coronavírus] ela é pelo distanciamento físico. Nada impede que as pessoas mantenham o contato por internet, por telefone. Citei Divinópolis que é uma das grandes cidades de Minas Gerais, é um polo têxtil importante”, afirmou José.

“As pessoas que precisam de alguma coisa de uma grande cidade como Divinópolis, que façam isso pela internet, por telefone, mas que as pessoas evitem transitar pelas cidades. Isso é pela proteção de todas as cidades de Minas e do Brasil, é assim que tem feito em todo o país e assim que conseguiremos vencer essa doença”.

Fonte: G1

Nenhum comentário