;

Header Ads

Ministério Público realiza operação em Lavras

Ministério Público realiza operação em Lavras

O Ministério Público de Minas Gerais realiza uma operação em Lavras na manhã desta quinta-feira (18).  Os alvos seriam um ex-juiz, um advogado e um empresário. De acordo com o G1, site de notícias da TV Globo, as investigações apontam os três e mais duas servidoras do Poder Judiciário envolvidos em crimes como corrupção, organização criminosa, lavagem de dinheiro e peculato.

As investigações da nova fase da Operação Octupus apontaram novos membros de uma organização criminosa que atua em Lavras. Na rede de agiotagem, como identificou o MP, o grupo praticava lavagem de dinheiro, falsidade ideológica e uso de documento falso. Para auxiliar nos crimes, servidores públicos teriam recebido pagamento de vantagens indevidas.

Nesta fase da operação, o Ministério Público pede o afastamento das duas servidoras que estão em atividade e mantém o empresário envolvido em prisão domiciliar. A previsão do MP é que R$ 37,5 milhões sejam devolvidos aos cofres públicos do estado.

Ainda segundo o G1, a Operação Octupus é um desdobramento de outras operações realizadas anteriormente em Lavras. Nas primeiras investigações, o Ministério Público identificou fraudes na contratação de shows e lavagem de dinheiro.

Fonte: G1

Nenhum comentário